O SER ESPÍRITA

.............................................................

........
........
........
........
........

O ser espírita

Domingo, 27 de novembro de 2011
11 horas da manhã Ainokawa 3-13-20 Flat Top Valley 101
Ichikawa-shi
Chiba-ken -Japão



Continuando com a série de palestras mensais que ocorrem todos os meses na Comunhão Espírita Cristã Francisco Cândido Xavier, que terá inicio às 11 horas da manhã,
neste mês com o com o tema
..............
O SER ESPÍRITA
..............

...........
A palestra
O SER ESPÍRITA,será ministrada pelo dirigente espírita do
N.E.J.A.-Núcleo Espírita Joanna de Ângelis-JAPÃO,
Adalberto Prado de Morais.
.............
..............


.........................
A palestra se discorrerá sobre a evolução do SER ESPÍRITA, e sua trajetória Espiritual desde o principio na sua primeira encarnação ate se tornar um Espírito Puro, com ênfase na escala espírita organizada por Allan Kardec e analizando os vários momentos dentro da escala dos Mundos habitados.
........
........
........

..........
..........

Todos estão convidados para participar dessa palestra saber um pouco mais sobre trajetória Espiritual do SER ESPÍRITA.
..........
...........
...........
...........
...........

...............
..........
......
......
......
......
......
....
...
..
.
Informações pelo telefone 047-359-1918 ou pelo email info@spiritism.jp Este endereço de e-mail está protegido contra spambots.
Você deve habilitar o JavaScript para visualizá-lo.

E é bom lembrar que após a palestra teremos a preparação para a Caminhada Fraterna.
Veja mais sobre este trabalho de Assistência Social que realizamos em todos os últimos domingos de cada mês clicando no titulo da postagem acima.
http://www.spiritism.jp/br/
..........
..........
......


Para refletir....

SER ESPÍRITA
Ser espírita é procurar fazer a diferença, sem se sentir diferente.
É agir com lucidez e responsabilidade, tomando a iniciativa do melhor em benefício de todos.
É dar testemunho de fé na mais comezinha atitude cotidiano.
É vivenciar as lições da Doutrina, sem, contudo, ser moralista, qual se ser espírita se fizesse inacessível a mais frágil das criaturas.
É respeitar os companheiros de Ideal, dialogando fraternalmente sobre possíveis pontos de divergência.
É apaziguar os ânimos exaltados e empreender campanhas de silêncio, quando a conversa leviana ameaça o rendimento do trabalho em grupo.
É sempre estar disposto a perdoar ofensas e, de preferência, jamais se sentir ofendido.
É não se melindrar, ao ponto de promover a desunião com o comprometimento da Causa.
Ser espírita é demonstrar o que se assimilou da Mensagem não apenas através da palavra de erudição, mas, sobretudo, da atitude que lhe confere credibilidade ao verbo esclarecedor.
É ser, onde estiver, um apelo à lógica e ao bom senso, despertando consciências e sensibilizando corações.
É saber, nas atividades em que se engaja somar com as possibilidades de cada um, dividindo atribuições, para que os resultados se multipliquem.
É não reclamar prestígio e privilégios.
É não se considerar algo que ainda não se é e que, de modo geral, todos estamos muito distantes de ser.
É não se iludir no corpo, para não se decepcionar fora dele.
Ser espírita, portanto, é amar sem restrições, admitindo o equívoco cometido e voltar atrás, se necessário, sem que humilhe ou se sinta humilhado.
É experimentar indefinível alegria por seguir a Jesus, e somente a Ele!
É, sim, reconhecer-se limitado, porém não acomodado em suas próprias mazelas.
É, mais do que não tropeçar e cair, não comprazer-se na queda.
Enfim, ser espírita é ser uma pessoa comum, mas não vulgar.

Livro: Ser Espírita
Carlos A. Baccelli, pelo Espírito Spartaco Ghilardi
LEEPP – Livraria Espírita Edições Pedro e Paulo




Arquivos de Imagens-ADE-SERGIPE E ADE-JAPÃO

Comentários

Postar um comentário

Postagens mais visitadas deste blog

CURSO DE PASSE*(fluidoterapia)